Bolsa Trabalho abre inscrição para 220 vagas, com auxílio de R$ 535,00/mês

NOTICIAS

A Prefeitura de Campinas aderiu ao programa Bolsa Trabalho do Governo do Estado de São Paulo. O programa vai priorizar pessoas desempregadas, principalmente mulheres arrimo de família, e oferecer uma oportunidade aos contemplados para, de forma paralela, fazer um curso profissionalizante e trabalhar na administração pública municipal ou estadual com auxílio de R$ 535 durante cinco meses. O objetivo é promover qualificação profissional e geração de renda para pessoas em vulnerabilidade social. As inscrições terminam no dia 30 de agosto. 

A expectativa do Governo do Estado é impactar mais de 120 mil pessoas em todo o estado. Em Campinas, o programa contará com 220 vagas. O Centro Público de Apoio ao Trabalhador, CPAT, vai auxiliar as pessoas com dificuldade de acesso à internet para realizarem as inscrições. O atendimento será feito mediante senhas e com entrada pela rua General Osório, 490, no Centro. Horário de atendimento das 09h30 às 12h e das 13h às 16h. 

Como funciona?

São sete opções de cursos disponíveis de qualificação que deve ser escolhido no ato da inscrição:

- Auxiliar de Controle de Produção e Estoque;

- Gestão Administrativa;

- Gestão de Pessoas;

- Organização de Eventos;

- Rotinas e Serviços Administrativos;

- Secretariado e Recepção;

- EJA (para pessoas que possuem o Ensino Fundamental Incompleto).

Carga horária

- Quatro horas diárias de trabalho em cinco dias da semana em órgão público municipal ou estadual;

- 80 horas totais de qualificação profissional promovida pela Universidade Virtual de São Paulo, UNIVESP, e Centro Paula Souza, na modalidade ensino à distância;

- Duração do trabalho: cinco meses

Auxílio

- Bolsa-auxílio de R$ 535 mensais incluindo cesta básica por cinco meses.

Critérios de inscrição

- Situação de desemprego, desde que não seja beneficiário de seguro-desemprego ou qualquer outro programa assistencial equivalente do governo estadual;

- Residência no Estado de São Paulo, pelo período de dois anos;

- Renda per capita de até meio salário;

- Participação de apenas um beneficiário, por núcleo familiar;

- Ser maior de 18 anos.

Prioridade

- Mulheres arrimo de família

- Maiores encargos familiares;

- Maior tempo de desemprego;

- Maior idade.

Cronograma

Inscrições : até 30 de agosto

Seleção e convocação: de 31 de agosto a 4 de setembro

Recepção dos candidatos: 8 a 10 de setembro

Início das atividades: 15 de setembro

Inscrição

- Acesse o site Bolsa do Povo

- Clique no botão Bolsa Trabalho e faça a inscrição

Informações 

Telefone: 0800 7979 800 de segunda a sexta-feira das 08h às 18h

WhatsApp (11) 98714 2645 atendimento 24 horas