Parceria da Secretaria de Trabalho e Renda com a empresa Net Campinas amplia oferta de empregos e cursos no CPAT

arnaldo salvetti trabalho renda dia trabalhador economia solidaria emprego

O projeto “CPAT nas Empresas”, implantado pela Secretaria Municipal de Trabalho e Renda de Campinas, colheu mais um resultado positivo nesta sexta-feira. Após uma reunião com gerentes e coordenadores de diversas áreas da empresa Net, do segmento de telecomunicação, fechou parceria para utilizar o banco de dados do CPAT para a contratação de funcionários, montar cursos de qualificação de mão de obra e promover workshop com as empresas terceirizadas para melhor aproveitamento dos recursos humanos disponíveis.
 
O secretário de Trabalho e Renda, Arnaldo Salvetti Palácio Jr. foi recebido por uma comissão formada por sete funcionários, gestores de diferentes áreas, que ouviram atentamente a apresentação dos serviços oferecidos pelo CPAT (Centro Público de Apoio ao Trabalhador). Concomitantemente à apresentação foram aparecendo sugestões de parcerias.
 
Com uma rotatividade na mão de obra de 5% ao mês, os gestores reclamaram da falta de funcionários qualificados no mercado ao mesmo tempo em que propuseram parcerias para treinamento de pessoal. “Nós precisamos dessa parceria. A gente ajuda a qualificar”, afirmou Alexandre Allgayer Canto, representante da empresa.
 
Salvetti afirmou ter ficado satisfeito com o resultado da reunião. “Fomos explicar o funcionamento da agência pública de empregos e trouxemos para o CPAT novas vagas de emprego, parceria para cursos de qualificação, além da reunião que será marcada com as empresas que prestam serviços para a Net para que elas também venham se juntar a nós”.
 
Ação e Trabalho
A Net Campinas também se comprometeu em participar do projeto “Ação e Trabalho”, que está sendo preparado pela Secretaria de Trabalho e Renda, e que prevê a oferta de serviços gratuitos para a população em diferentes regiões da cidade. “A empresa tem uma área institucional muito forte e vai nos ajudar a levar serviços e lazer para os trabalhadores e suas famílias”, finalizou Salvetti.