Oficinas da Economia Solidária atraem participantes de todas as regiões da cidade

arnaldo salvetti economia solidaria trabalho e renda campinas

A Coordenadoria de Economia Solidária, departamento da Secretaria Municipal de Trabalho e Renda, reuniu cerca de 50 pessoas na tarde desta quinta-feira para falar sobre o comércio justo e solidário e como ele é praticado e Campinas.
A oficina ocorreu nas dependências do Centro Público de Apoio ao Trabalhador (CPAT), no Centro da cidade e atraiu interessados de diferentes bairros e regiões.
"Eles estão se preparando para começar a trabalhar numa das oito feiras da Economia Solidária que funcionam em dias alternados em Campinas", explicou Arnaldo Salvetti Palácio Jr., secretário municipal de Trabalho e Renda.
Normalmente, as oficinas acontecem nos próprios bairros onde a feira é realizada, para facilitar o acesso dos interessados. Desta vez, como haviam muitos interessados, optou-se por uma reunião no Centro que atendesse a todos de uma só vez.